Quem são os famosos mais cotados para participar do Big Brother Brasil?

A Globo já começou a sondar famosos para o BBB 21, que promete ser mais uma edição cheia de novidades tanto em questões de provas, como também de festas e dinâmicas em geral. Além de contar com participantes famosos, a edição do Big Brother Brasil 21 também contará com um elenco anônimo, como é de costume. 

Após o pronunciamento da Rede Globo, dia 23 de outubro de 2020, de que esta nova temporada será formada por celebridades e anônimos, os internautas começaram a movimentar a web com possíveis nomes de famosos que farão parte desta edição. 

“O time que fará parte da próxima edição do Big Brother Brasil será composto novamente por inscritos e convidados. Os integrantes da casa formarão a Pipoca e o Camarote da próxima edição –uma novidade da última temporada e sucesso absoluto do reality, que volta em 2021 para mexer nas formas de jogar o game mais vigiado do Brasil”, escreveu a emissora em um comunicado. 

Após isso, nomes de diversos famosos já circulam pela internet. Entre eles, os mais comentados são:

Veja a seguir os nomes mais cotados para participarem desta temporada do BBB:

  • Lorrane Silva, 24 anos, psicóloga e digital influencer;
  • Gessica Kayane (Gkay), 25 anos e digital influencer;
  • Luana Piovani;
  • Cleo Pires, 38 anos e atriz;
  • Jacaré, 48 anos, ator e dançarino;
  • T3ddy, 25 anos e Youtuber;
  • Kéfera Buchmann, 27 anos e atriz;
  • Lucas Guimarães, 25 anos, digital influencer e marido de Carlinhos Maia;
  • Andressa Urach, 33 anos e apresentadora;
  • Ney Lima, digital influencer.

A cantora Kelly Key, que era uma das famosas mais cotadas, revelou recentemente que foi chamada pela Rede Globo para ser uma das participantes do BBB em 2021mas que negou o convite. 

A revelação veio após um seguidora ter lhe questionado se teria coragem de participar de A Fazenda ou Power Couple, os dois realitys da Record. “Não. Inclusive fui convidada para o BBB e também para A Fazenda… Mas isso não é para mim mesmo“, disse ela. 

Mas ao contrário de Kelly Key, diversas celebridades já pediram para fazerem parte do novo elenco do reality show mais assistido do Brasil. Rita Cadillac, por exemplo, publicou em seu twitter: “Quero ir para o #BBB21. Me chama Boninho”.

Gabriela Sales, mais conhecida como Rica de Marre, também aproveitou o momento para mandar aquela ‘direta’ para o diretor geral do programa. “Alô Alô Boninho se quiser alguém para animar as festas e fazer barraco por causa de comida eu tô aqui”, escreveu a digital influencer.

Vale lembrar que, o Big Brother Brasil 21 já tem data de estreia prevista. Segundo fontes importantes, esta nova temporada deve começar no dia 25 de janeiro. A Rede Globo promete uma temporada cheia de novidades e a mais longa da história, com cerca de 100 episódios. 

E ai, você está preparado para acompanhar a casa mais vigiada do Brasil?! 

Quadros, prêmios e promoções do Caldeirão do Huck

Programas de auditório atualmente fazem parte da maior forma de entretenimento da televisão brasileira. Através deles milhões de pessoas garantem sua diversão em frente a TV e participam de experiências ao vivo que jamais poderiam imaginar. Quadros de entrevistas, premiações e promoções são garantidos para gerar o entretenimento e a audiência da população.

Entrevistas com atores, cantores e esportistas são usadas para expor um pouco do cotidiano desses famosos e mostrar uma realidade deles que é desconhecida por muitos. Quadros que apresentam pessoas desconhecidas e mostram sua realidade em desafios para ganharem prêmios são bem famosos durante esses programas. Quem quer ser um milionário? Lata Velha e Lar Doce Lar são alguns desses quadros que premiam participantes que vão ao programa e diante das câmeras contam suas histórias no palco do programa do Caldeirão do Huck.

No quadro de Quem Quer Ser Um Milionário? Participantes se inscrevem para passarem por desafios de conhecimentos gerais onde perguntas são feitas para testarem o conhecimento dessas pessoas para assim chegarem no grande prêmio de um milhão de reais. Durante o desenrolar do programa os participantes apresentam sua família e contam suas histórias falando sobre toda sua trajetória ate o programa e muitas vezes dão uma aula sobre lição de vida.

Lata Velha e Lar Doce Lar sempre emocionam a todos que estão assistindo com histórias emocionantes de superação e reencontros que transformam cada programa em uma experiência única. Carros e casas que chegam completamente destruídos e saem totalmente mudados com aspectos que correspondem muito com a personalidade dos participantes e um toque especial que mostram que passaram pelo programa do Luciano Huck.

Devido a toda fama que o programa conquistou e sua importância nas tardes dos sábados inúmeras marcas patrocinam o programa e lançam suas promoções e prêmios para todo o auditório e para quem está assistindo, como é o caso da Ypê. A Ypê lançou a promoção Ypê 2021 que disponibiliza prêmios incríveis para as pessoas que comprarem os produtos participantes e se cadastrarem. Essa parceria faz a junção do programa e da marca que sempre vem inovando e beneficiando os brasileiros e garantem o sorteio de diversos prêmios incríveis.

Essa não é a primeira vez que a parceria é fechada, já existindo promoções e ganhadores anteriores que garantem a autenticidade dos benefícios. Todos os anos há novos lançamentos e prêmios para milhares de pessoas que compram os produtos participantes e se inscrevem para então começarem a concorrer a esses inúmeros prêmios disponíveis.

Como funcionam as cotas na educação brasileira?

Você já deve ter ouvido falar no sistema de cotas, ma medida tomada pelo Governo brasileiro com grandes propósitos sociais, mas você sabe como elas funcionam na educação? Leia o texto abaixo e entenda:

O que é o sistema de cotas?

O sistema de cotas funciona como uma forma de reparação por injustiça história e tentativa de igualar a concorrência para estudantes de classes econômicas nas quais a educação é dificultada.

No Brasil, o sistema de cotas foi aplicado como lei, o que garante um percentual de vagas dentro das instituições de ensino para o público em questão.

Este público é referente a candidatos declarados pretos, pardos ou indígenas que desejam concorrer a vagas para instituições do ensino superior.

Existe também um percentual destinado aos estudantes de escola pública, que enfrentam diversas dificuldades dentro desse sistema de ensino.

As cotas visam um cenário mais igualitário para a sociedade a longo prazo, a fim de que o mercado de trabalho seja amplo e formado por profissionais de todas as raças.

O sistema de cotas foi aplicado nos sistemas de distribuição de vagas no ensino superior, como é o caso do ProUni 2021Mas como funciona o processo de inscrição para cotistas?

Como utilizar o sistema de cotas?

Para pode utilizar o sistema de cotas, é necessário estar de acordo com os requisitos de cada programa. Quem quer participar das inscrições ProUni 2021por exemplo, é necessário estar dentro das regras abaixo:

  • Comprovar renda baixa ou média (dependendo da modalidade da bolsa);
  • Ter concluído o ensino médio na rede pública;
  • Ter concluído o ensino médio na rede privada como bolsista integral;
  • Possuir nota superior a 450 pontos na prova do Enem;
  • Possuir nota da redação do Enem superior a 0;
  • Se autodeclarar preto, pardo ou indígena (no caso de modalidade de cota racial).

Quem está de acordo com as exigências do Prouni, pode se inscrever depois de participar do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), se estiver dentro da pontuação mencionada.

O Prouni abre vagas duas vezes por ano e os estudantes podem aplicar suas pontuações para as bolsas disponíveis depois da divulgação do resultado do Enem.

Além do Prouni, o estudante também pode concorrer a bolsas utilizando cotas no Sistema de Seleção Unificada (SISU), referente às vagas disponíveis nas universidades e instituições do ensino público.

O Sisu permite que os estudantes se inscrevam na modalidade ampla concorrência, na modalidade de cota racial ou na modalidade de estudante da rede pública.

Dicas de filmes para quem gosta do cinema preto e branco

O cinema é repleta de história clássicas que acompanharam gerações. E apesar de algumas dessas histórias até terem sido regravadas para o cinema moderno, é preciso admitir que os filmes em preto e branco têm lá seu charme. E se você gosta desse estilo clássico da sétima arte, separamos dicas de filmes para você. Veja a seguir;

Frances Ha

Frances Ha é uma trama bem interessante, que mistura comédia e drama na mesma história. O filme relata as reviravoltas da vida de uma mulher muito sonhadora que vive em Nova York, mas não possui nada de concreto para tornar seus sonhos em realidade.

Boa noite e Boa Sorte

“Boa noite e Boa sorte” foi dirigido e atuado por George Clooney e é um filme bastante político. O filme é baseado na história real de dois personagens importantes para o país no incio da televisão, são eles: Edward R. Murrow e seu produtor Fred W. Friendly.

Psicose

Um dos filmes mais clássicos da história do suspense e que rendeu muitas referências, histórias e ate séries é “Psicose”, que conta uma história apavorante sobre assassinato e insanidade. O enredo começa quando uma jovem dá um golpe em seu patrão e foge com uma grande quantidade em dinheiro. Algum tempo depois, a jovem vai parar em um motel sombrio no meio da estrada.

O Sol é Para Todos

O filme, inspirado no livro de Harper Lee, é uma obra de mistério e drama que retrata uma cidade do sul dos Estados Unidos, onde o preconceito é predominante. A história, relatada na década de 30, conta o dilema de um advogado branco, pai de duas crianças, e de um lavrador negro, acusado de estupro.

A Lista de Schindler

Podemos mencionar a obra “A Lista de Schindler” como um dos clássicos mais impactantes da história do cinema. O empresário Schindler, que havia visto na mão de obra judia uma grande oportunidade de crescimento devido ao baixo custo, acaba diante de diversas questões relacionadas ao valor da vida e abdica de seus privilégios para salvar a vida de centenas de judeus.

O que Jack fez?

Diferente da maioria dos filmes em preto e branco que você pode encontrar em suas buscas, “O que Jack fez?” é um curto-metragem intencionalmente elaborado com essa característica. O filme foi lançado em 2017 em Paris, mas vale a pena mencionar que ele pode ser encontrado disponível na plataforma de streaming da Netflix.

Scroll to top